Política

Vereador Muller quer diagnóstico sobre importância do poder público na economia local

Vereador Muller quer diagnóstico sobre importância do poder público na economia local

 

O vereador João Muller esteve reunido na manhã desta quarta-feira (4) em seu gabinete na Câmara Municipal com o professor e consultor de estatística Doutor Jorge Oishi e com o estatístico Reginaldo Coelho para definir um diagnóstico, por meio de pesquisa, da importância do poder público na economia do município de São Carlos.

 

Segundo João Muller, São Carlos tem uma característica diferenciada na composição de sua economia devido ao contingente de mão de obra ativa vinculado ao serviço público. A Prefeitura Municipal de São Carlos, entre Administração direta e indireta, absorve a mão de obra de 5100 trabalhadores. A presença das duas universidades públicas (UFSCar e USP), aliadas à EMBRAPA, tem um contingente de aproximadamente 4.600 servidores.

 

O orçamento anual das duas Universidades, complementou o vereador, se equipara ao orçamento da Prefeitura Municipal de São Carlos, atualmente próximo de 700 milhões de reais. A estrutura administrativa para prestação de serviços públicos no município, considerando órgãos federais, estaduais e municipais, pode chegar a mais de 20 mil trabalhadores direta e indiretamente. 

 

“Abrigamos em nossa cidade as Polícias Militar, Civil e Técnico Científica, INSS, Receita Federal, Judiciário (Civil e Criminal), Ministério Público, USP, UFSCar, EMBRAPA, rede estadual de ensino, bancos públicos (Banco do Brasil e Caixa Econômica Federal), AME (Ambulatório Médico de Especialidades), Poupa Tempo, Bom Prato, DETRAN (Departamento Estadual de Trânsito), FATEC. Devemos considerar ainda, os serviços indiretos (limpeza, segurança, copa etc.) prestados para os órgãos mencionados”, argumentou o parlamentar.

 

Muller quer dimensionar a participação desta categoria no Produto Interno Bruto (PIB) do município. Quer um diagnóstico para planejamento de políticas públicas. A seu ver, São Carlos só não sente os reflexos da crise econômica nacional com maior intensidade, porque este segmento de trabalhadores tem estabilidade e média salarial elevada. O vereador também quer conhecer o volume de recursos investidos em programas como bolsa família, BPC (Benefício de Prestação Continuada), aposentadorias e pesquisas científicas.

 

“Não existe planejamento de serviços públicos com metas e objetivos sem conhecer, diagnosticar, fazer um raio-X do público beneficiário dos mesmos. São Carlos é uma cidade diferenciada e quero comprovar esta tese por meio de pesquisa técnico-científica. Vou destinar uma emenda parlamentar à Secretaria Municipal de Comunicação Social e oferecer esta contribuição à comunidade são-carlense”, disse Muller.

Galeria

Comentários

Publicidades

Mais Vistas

1

Cirurgia será transmitida em tempo real, via internet, do Centro Cirúrgico da Santa Casa

2

Liquidação Fantástica levará milhões de pessoas ao Magazine Luiza nesta sexta-feira

3

Bolsonaro amanhece com batom, maquiagem, brincos e colares em outdoor em São Carlos

4

Novo Golf produzido no México começa a chegar às concessionárias Volkswagen no Brasil

5

Advogado é o primeiro deficiente visual a receber carteira da OAB em São Carlos