Mundo

ONU investigará morte do opositor venezuelano Fernando Albán

Ag Brasil

 

O Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (Acnur) investigará a morte do opositor venezuelano Fernando Albán como parte do relatório elaborado pelo Conselho de Direitos Humanos sobre os abusos cometidos na Venezuela.

 

Ravina Shamdasani, porta-voz do Acnur, explicou em entrevista coletiva hoje (9) que a morte do vereador será um dos assuntos da investigação sobre as violações dos direitos humanos da organização.

 

"O Conselho de Direitos Humanos encarregou nosso escritório de elaborar um relatório sobre a Venezuela, por isso, investigaremos todos os aspectos da situação dos direitos humanos no país", disse ela. 

Galeria

Comentários

Publicidades

Mais Vistas

1

Cirurgia será transmitida em tempo real, via internet, do Centro Cirúrgico da Santa Casa

2

Liquidação Fantástica levará milhões de pessoas ao Magazine Luiza nesta sexta-feira

3

Bolsonaro amanhece com batom, maquiagem, brincos e colares em outdoor em São Carlos

4

Novo Golf produzido no México começa a chegar às concessionárias Volkswagen no Brasil

5

Advogado é o primeiro deficiente visual a receber carteira da OAB em São Carlos