Região

Inter deve injetar R$ 20 milhões na economia de Araraquara

Cerca de R$ 20 milhões deverão ser injetados na economia de Araraquara devido à realização do Inter 2018 (antes chamado de InterUnesp), que reunirá estudantes dos 23 campi da Unesp (Universidade Estadual Paulista) entre os dias 15 e 18 de novembro.

 

Ao longo das 18 edições, desde 2001, Araraquara é a líder disparada na lista de cidades-sedes: é a quinta vez que o evento esportivo e cultural é realizado na cidade (2002, 2006, 2010, 2015 e 2018).

 

Segundo o diretor-presidente da Morada do Sol Turismo, Eventos e Participações, Manoel de Araújo Sobrinho, são estimadas as presenças de 25 mil jovens nas atividades esportivas diurnas e 18 mil jovens nos eventos noturnos.

 

“É um evento que movimenta toda a cadeia do turismo, que possui 70 atividades econômicas, entre hotel, restaurante, transporte, comércio. É o maior evento universitário esportivo do Brasil e da América Latina”, explica Manoel.

 

“Será a quinta edição em Araraquara. A previsão é de R$ 20 milhões em gastos no comércio local e mais de 1 mil postos de trabalho gerados. Além dos alunos da Unesp, outros jovens universitários também participam do evento”, complementa.

 

O diretor-presidente da Morada do Sol ainda relembra que, no início dos anos 2000, o Inter era organizado no campus de Araraquara da Unesp. Mas, com a aquisição dos pavilhões do Cear (Centro de Eventos de Araraquara e Região), o evento mudou de local e a cidade passou a contar com melhor estrutura e despertar a atenção dos organizadores.

 

Economia

O presidente da Liga Interuniversitária de Esportes Universitários, Leonardo Cardoso Campazi, afirma que a organização espera um aumento de público e de recursos injetados na economia em relação à última edição, em 2015. “A expectativa deste ano é ótima. A organização tem trabalhado bastante durante todo o ano”, avalia.

 

Naquela edição, há três anos, foram 17 mil pessoas em cada dia de evento, em média, e R$ 15 milhões gastos na cidade nos mais diversos setores.

 

“O mais forte sempre vai ser o ramo hoteleiro e os restaurantes, mas as pessoas que vêm para cá injetam dinheiro na economia nas mais diversas formas. Seja com transporte, alimentação, de todas essas maneiras. Toda a execução prévia do evento já gera investimento também, como o aluguel de praças e clubes”, revela.

 

Leonardo estima a geração de 1,5 mil empregos diretos e indiretos. “Desde pessoas que trabalham dentro do evento, até os ambulantes, os funcionários a mais que restaurantes e hotéis contratam para atender a demanda”, afirma.

 

Integração

O presidente da Liga Interuniversitária explica que são quatro dias de jogos em nove praças esportivas de Araraquara, em 23 modalidades, com alunos de todo o Estado. Essas disputas irão ocorrer na parte da manhã e da tarde.

 

As atrações culturais serão divididas em diurnas e noturnas. Durante a tarde, no Cear, a chamada “Tenda Diurna” reunirá nomes como Tom Baretella, Bateria Fúria Capilar, entre outros.

 

Já os eventos noturnos serão no “Paraíso Inter”, que fica no Centro Empresarial e Industrial Omar Maksoud, na Avenida Manoel Nieto Lopez (próximo ao Sest/Senat). Irão se apresentar Skank, Banda Eva, Aretuza Lovi, Dennis DJ, Karol Conká, Atitude 67, entre outros grupos e DJs.

 

Com esporte e cultura, o Inter é uma oportunidade anual de integração entre os estudantes da universidade. “A frase principal que rege a liga é que ‘a distância nos separa e o esporte nos une’. A gente tem esse evento uma vez por ano para integrar os alunos e competir esportivamente entre as unidades”, conclui Leonardo.

 

Mais informações sobre os quatro dias do Inter 2018 podem ser obtidas na página oficial no Facebook (www.facebook.com/ointerenosso) e, também, no evento “O Inter – Araraquara 2018 [Oficial]”, na mesma rede social.

Galeria

Comentários

Publicidades

Mais Vistas

1

Cirurgia será transmitida em tempo real, via internet, do Centro Cirúrgico da Santa Casa

2

Liquidação Fantástica levará milhões de pessoas ao Magazine Luiza nesta sexta-feira

3

Bolsonaro amanhece com batom, maquiagem, brincos e colares em outdoor em São Carlos

4

Novo Golf produzido no México começa a chegar às concessionárias Volkswagen no Brasil

5

Advogado é o primeiro deficiente visual a receber carteira da OAB em São Carlos