Esporte

Hamilton chega ao GP do Brasil campeão e de olho no título de construtores

EFE

O Grande Prêmio do Brasil de Fórmula 1 será disputado neste domingo, no circuito de Interlagos, com o título de pilotos já definido a favor do britânico Lewis Hamilton, e com a definição entre construtores podendo acontecer a favor da Mercedes, que tem larga vantagem para a Ferrari.

O dono do carro número 44 garantiu matematicamente o troféu da temporada, há duas semanas, no Grande Prêmio do México. Ao chegar na quarta posição, o agora cinco vezes campeão mundial chegou aos 358 pontos, contra 294 pontos do alemão Sebastian Vettel, da Ferrari, que foi segundo na prova vencida pelo holandês Max Verstappen, da Red Bull.

Embora já tenha garantindo a taça por antecipação, Hamilton se mostrou determinado a vencer pela segunda vez na carreira em Interlagos, onde levou a melhor há dois anos. Embora, tenha conquistado o título no circuito, em 2008, superando Felipe Massa, o britânico admitiu que a pista é seu "calcanhar de Aquiles".

"É um dos circuitos mais complicados. A temperatura é muito alta, e tem muitas curvas. É um desafio para o motor, e fisicamente também. O que compensa é o público e os fãs", avaliou o piloto britânico, em entrevista coletiva realizada em São Paulo.

Hamilton garantiu que o principal objetivo neste fim de semana é também garantir matematicamente o Campeonato de Construtores. Nele, a Mercedes tem 585 pontos, contra 530 da Ferrari. A escuderia alemã precisa apenas que a distância entre os dois não se reduza para 42 pontos ou menos.

Para o time italiano, a única forma de manter a disputa aberta, independente do resultado do concorrente é conseguir uma dobradinha na corrida. Nenhuma vez na temporada, no entanto, Vettel e o finlandês Kimi Raikkonen ocuparam os dois primeiros lugares, em qualquer ordem.

Além disso, a Ferrari buscará a liderança do ranking histórico de vencedores do Grande Prêmio do Brasil. A escuderia ganhou 11 vezes, a última no ano passado, contra 12 da McLaren, que subiu ao topo do pódio pela última vez em 2012, com o britânico Jenson Button.

Entre os pilotos em atividade, o dono de maior número de troféus é Vettel, que ficou em primeiro na corrida em 2010, 2013 e 2017. Com mais uma vitória, o piloto alemão igualará o compatriota Michael Schumacher e ficará a dois êxitos de alcançar a marca estabelecida pelo francês Alain Prost.

O GP do Brasil terá início de atividades nesta sexta-feira, com o primeiro de três treinos livres, marcado para acontecer às 11h (de Brasília). Quatro horas depois será dado sinal verde para o TL2. No sábado, às 12h, começará a terceira sessão.

O treino de classificação para a prova será também no sábado, às 15h. No domingo, às 15h10 será dada a largada para a primeira de 71 voltas no traçado de 4.309 metros. Ao todo, está previsto que os pilotos percorrão 305.909 quilômetros, até a bandeirada final.

Galeria

Comentários

Publicidades

Mais Vistas

1

Cirurgia será transmitida em tempo real, via internet, do Centro Cirúrgico da Santa Casa

2

Liquidação Fantástica levará milhões de pessoas ao Magazine Luiza nesta sexta-feira

3

Bolsonaro amanhece com batom, maquiagem, brincos e colares em outdoor em São Carlos

4

Novo Golf produzido no México começa a chegar às concessionárias Volkswagen no Brasil

5

Advogado é o primeiro deficiente visual a receber carteira da OAB em São Carlos