Mundo

Em encontro com líderes sindicais, Guaidó promete melhoria salarial

Ag Brasil

O autodeclarado presidente interino da Venezuela, Juan Guaidó, reuniu-se hoje (5) na Assembleia Nacional, o Parlamento do país, com líderes sindicais. No encontro, ele prometeu adotar uma Lei de Anistia, um esforço coletivo do governo interino para trabalhar por contratos coletivos, melhores salários, sindicatos livres e autônomos.

“Todos sabem da censura e do medo por que têm passado. Vamos convocar reuniões com cada central, cada sindicato, cada ministério e cada agremiação”, afirmou Guaidó.

O presidente interino já havia mencionado também o perdão para os funcionários públicos e militares. “Hoje, nossos empregados públicos estão sequestrados pela ditadura”, disse. “Aqui os trabalhadores não querem nada de presente, querem ter um salário digno.”

Guaidó compareceu ao Parlamento, pela primeira vez depois que retornou de uma viagem a cinco países da América do Sul - Colômbia, Brasil, Paraguai, Argentina e Equador. Ontem (4), ele participou de manifestações contra o governo de Nicolás Maduro.

Galeria

Comentários

Publicidades

Mais Vistas

1

Cirurgia será transmitida em tempo real, via internet, do Centro Cirúrgico da Santa Casa

2

Liquidação Fantástica levará milhões de pessoas ao Magazine Luiza nesta sexta-feira

3

Bolsonaro amanhece com batom, maquiagem, brincos e colares em outdoor em São Carlos

4

Novo Golf produzido no México começa a chegar às concessionárias Volkswagen no Brasil

5

Advogado é o primeiro deficiente visual a receber carteira da OAB em São Carlos